sexta-feira, 17 de junho de 2016

Biblioteca Municipal - Férias Divertidas – Verão 2016

Procurando dar uma resposta estruturada às necessidades das famílias em termos de ocupação das férias das crianças e jovens, a Biblioteca Municipal Miguel Torga preparou um programa que irá funcionar entre 27  de junho e 22 de julho.
Os participantes, com idades compreendidas entre os 6 e os 12 anos, podem inscrever-se em uma ou duas semanas.
O programa é inteiramente gratuito, mas haverá algumas atividades que terão que ser suportadas pelas famílias, assim como as refeições. Informa-se que a refeição do almoço será servida no Jardim de Infância de Miranda do Corvo. As respetivas senhas terão que ser adquiridas na Fundação ADFP.
As inscrições começam no dia 21 de junho e será necessário trazer o Cartão de Cidadão/Bilhete de Identidade da criança e efetuar no ato da inscrição o pagamento da(s) atividade(s) contempladas na(s) semana(s) escolhida(s).

 Anexa-se programa.


A Equipa da Biblioteca Municipal Miguel Torga

quinta-feira, 16 de junho de 2016

Seminário "Partilhas de Maior: Bibliotecas de Hoje e de Amanhã"

O Seminário "Partilhas de Maior: Bibliotecas de Hoje e de Amanhã", que está a ser organizado em parceria com o Centro de Formação da Lezíria-Oeste,   realizar-se-á nos dias 23 e 24 de junho, em Rio Maior. 
Consulte o programa e cartaz.


quarta-feira, 15 de junho de 2016

Sábados na Biblioteca Municipal

Para o próximo sábado, dia 18 de junho, a Biblioteca Municipal organizou duas atividades:

-  Ler em Família (10h30), para pais e filhos, com leituras e atividades divertidas para todos;

- Clube de Leitura (14h30), com leitura de  obras de Alice Munro - Prémio Nobel da Literatura 2013.




A Equipa da Biblioteca Municipal conta consigo!


Boas Leituras!

sexta-feira, 10 de junho de 2016

Adivinha

Não é galo nem galão,
nem padre nem sacristão,
é um animal esquisito,
entre peru e pavão,
tem barbas ruivas de milho,
tem olhos de crocodilo,
rabo de rato ou de cão,
ão ão ão!


 Eugénio de Andrade, Aquela nuvem e outras (1984)

Alguém adivinhou? Fácil? Difícil?
Neste poema, Eugénio de Andrade cria um novo animal, um animal esquisito, a partir da amálgama de outros. O seu animal esquisito é uma fusão entre muitos.
Para levar os alunos e alunas, que participaram nas atividades de promoção/animação da leitura, a conhecer melhor esta adivinha poética, a biblioteca escolar desafiou-os a inventarem o seu animal esquisito. Ora reparem, só falta “ilustrar” com uma escrita a condizer!

quarta-feira, 8 de junho de 2016

E Coimbra aqui tão perto...

Mais uma vez as bibliotecas escolares premiaram os alunos monitores com uma visita de estudo a Coimbra. Na Biblioteca Municipal os alunos puderam tomar consciência da complexidade dos serviços de uma biblioteca de grandes dimensões; para além dos serviços prestados ao utilizador, os alunos monitores puderam apreciar, nos bastidores,  o dia a dia de um técnico de biblioteca, desde a sala de catalogação, aos depósitos, passando pela imagoteca (onde puderam ver fotografias de locais e monumentos de Miranda do Corvo) e outros.
No Núcleo Museológico da Guitarra e do Fado de Coimbra, sito na Torre de Anto, os alunos tomaram conhecimento da história do fado, da canção e da guitarra de Coimbra. Artur Paredes, Zeca Afonso, Adriano Correia de Oliveira, António Portugal, António Brojo, Carlos Paredes, Rui Pato, Luiz Goes, Edmundo Bettencourt, António Bernardino, são alguns dos nomes que ficarão na memória destes jovens estudantes, para além da faceta interventiva associada à canção de Coimbra.
De capa, os três alunos puderam experimentar a sensação de tocar guitarra de Coimbra, saboreando, antecipadamente, a entrada na Universidade, ou será melhor dizer na “ParaUniversidade”?
Citando os nossos alunos: “Eu gostei da visita porque o Museu e a Biblioteca são ambos espaços impecáveis” (Alexandre Cardoso, Escola Ferrer Correia, 9º ano); “Eu gostei da visita de estudo, porque não conhecia o Museu e fiquei a saber mais sobre o fado. A Biblioteca eu já conhecia, mas vi algumas coisas que não sabia que existiam” (Beatriz Ramos, Escola José Falcão, 5º ano); “Eu gostei muito da visita de estudo, pois não conhecia nenhum dos locais que visitámos e fiquei a saber mais sobre a História de Coimbra e conheci o funcionamento de uma grande biblioteca” (Gustavo Carvalho, Escola José Falcão, 6º ano).
Também, mais uma vez, as bibliotecas contaram com o apoio da Câmara Municipal de Miranda do Corvo, que providenciou o transporte, a quem deixam uma palavra de muito agradecimento. Contaram, igualmente, com a colaboração da Divisão dos Serviços de Bibliotecas, Arquivo e Museus da Câmara Municipal de Coimbra, que possibilitou esta visita orientada de forma gratuita. A todos o nosso bem-haja!
As Bibliotecas Escolares

terça-feira, 7 de junho de 2016

Amor impossível? Não, amor improvável…

A partir da promoção/animação da leitura da obra “Versos de Cacaracá” de António Manuel Couto Viana, a Biblioteca Escolar desafiou os alunos do 4º ano a (re)escrever e ilustrar o romance, possível, entre uma gata e um mocho-bufão. Aqui fica registado o trabalho dos alunos e alunas. 

Assim nascem livros…

Às sextas-feiras, das 15 às 16 horas, é tempo de poesia na turma do 4º A da escola do 1º CEB de Miranda do Corvo. Espontaneamente, motivados por outras leituras, desafiados por quem gosta de ver nascer a escrita musicada, os alunos e alunas envolveram-se na iniciativa “Momento de Poesia”, na qual ensaiaram escrita e leitura de poesia. 

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Comemorações do nascimento de José Falcão

Dia 1 de junho faz 175 anos sobre o nascimento de José Falcão, patrono da escola sede do Agrupamento. A "Cartilha do povo" pode ser requisitada nas bibliotecas das escolas EB 2.3 C/ Sec. José Falcão e EBI/JI Ferrer Correia, ou na biblioteca municipal Miguel Torga.


13ª edição do Concurso Nacional de Leitura 2018

Estão abertas as inscrições para a 13ª edição do Concurso Nacional de Leitura de 2 a 8 de novembro de 2018. Procura a ficha de inscrição...